Connect with us

Notícias

BMW está investindo mais dinheiro em Veículos Elétricos (EVs) ‘do que o originalmente previsto’

Publicado

on

A BMW informou aos investidores que os veículos elétricos (EVs) representaram 12,6% das entregas totais da empresa durante o primeiro semestre de 2023. Esse número representa um aumento em relação aos 10% registrados durante todo o ano de 2022. A BMW tem como objetivo alcançar uma participação de 15% nas vendas de veículos elétricos até o final de 2023. A demanda por carros elétricos está aumentando e, em resposta a essa tendência, a BMW está aumentando seus investimentos na produção global de veículos elétricos.

De acordo com a Bloomberg, o CFO da BMW afirmou que a empresa está “investindo mais do que o planejado originalmente na expansão global da e-mobilidade”. Isso é evidenciado pelos resultados do segundo trimestre de 2023 da BMW, no qual a empresa aumentou seus gastos com pesquisa e desenvolvimento em quase 19% em relação ao segundo trimestre de 2022, chegando a cerca de US$ 2 bilhões no segundo trimestre de 2023.

Embora a BMW esteja progredindo na área de veículos elétricos, a empresa ainda não divulgou uma data para interromper a venda de veículos movidos a combustão interna. Durante a chamada de resultados da empresa, o CEO Oliver Zipse afirmou que não há indicação de que o mundo esteja abandonando os veículos a combustão.

Essa postura contrasta com a de outras montadoras como Mercedes-Benz, Ford e GM, que já divulgaram planos para eliminar gradualmente as vendas de veículos movidos a combustão até 2040.

Ainda que a BMW não tenha definido uma data para abandonar os veículos a combustão, a empresa está investindo cada vez mais em veículos elétricos para atender à crescente demanda. Essa é uma estratégia importante, considerando o crescimento do mercado de veículos elétricos e as metas estabelecidas por diversas regulamentações governamentais em relação à redução de emissões de carbono.

Além disso, a BMW não está sozinha nesse movimento em direção aos veículos elétricos. Outros fabricantes de automóveis estão seguindo a mesma tendência, impulsionados pela conscientização ambiental e pela necessidade de reduzir a dependência de combustíveis fósseis.

A transição para veículos elétricos também está sendo impulsionada pelo rápido avanço da tecnologia de baterias, que está aumentando a autonomia dos veículos elétricos e tornando-os mais viáveis para os consumidores. Além disso, com o aumento da infraestrutura de carregamento, os veículos elétricos estão se tornando uma opção mais prática para os motoristas.

Apesar dos avanços nessa área, também há desafios a serem superados. Os veículos elétricos ainda são mais caros em comparação com os veículos a combustão e a infraestrutura de carregamento precisa ser expandida para acomodar o crescente número de veículos elétricos nas estradas. Além disso, a demanda por materiais essenciais para baterias, como lítio e cobalto, está aumentando, o que pode levar a problemas de fornecimento no futuro.

No entanto, a BMW está comprometida em enfrentar esses desafios e continuar investindo no segmento de veículos elétricos. Com a ampliação de sua linha de veículos elétricos, a empresa espera atrair mais clientes e contribuir para a transição para uma mobilidade mais sustentável.

Em resumo, a BMW está avançando no mercado de veículos elétricos, registrando um aumento nas vendas e aumentando os investimentos nessa área. Embora a empresa ainda não tenha definido uma data para abandonar os veículos a combustão, está claro que os veículos elétricos estão se tornando uma parte cada vez mais importante do portfólio da BMW.